Pablo Neruda

FICA PROIBIDO


Fica proibido chorar sem aprender, levantar um dia sem saber o que fazer ter medo de suas lembranças.
Fica proibido não sorrir aos problemas, não lutar pelo que você quer abandonar tudo por medo, não converter em realidade seus sonhos.
Fica proibido não demonstrar seu amor, fazer que alguém pague suas dúvidas e mau humor
.
Fica proibido deixar seus amigos, não tentar compreender o que viveram juntos, chamá-los apenas quando você necessita.
Fica proibido não ser você perante os demais, fingir ante as pessoas que no lhe importam,fazer graça para que se lembrem de você, esquecer as pessoas que lhe querem.
Fica proibido não fazer as coisas por você mesmo,não crer em Deus e fazer seu destino,ter medo da vida e dos seus compromissos,não viver cada dia como se fosse o último suspiro.

Fica proibido ter saudades de alguém sem ficar contente, esquecer seus olhos, seu sorriso, tudo porque seus caminhos deixaram de abraçar-se, esquecer seu passado e pagar-lhe com seu presente.
Fica proibido não tentar compreender as pessoas, pensar que suas vidas valem mais que a sua, não saber que cada um tem seu caminho e sua felicidade.
Fica proibido não crer em sua história, deixar de agradecer a Deus por sua vida, não compreender que o que a vida lhe dá, também lhe tira.
Fica proibido não buscar sua felicidade, não viver sua vida com uma atitude positiva, não pensar que podemos ser melhores, não sentir que sem você este mundo não seria igual.


(Pablo Neruda)

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Oficina Coesão e Coerência

A oficina: A coesão e a coerência nos gêneros textuais, aconteceu no dia 07/07/09. Esta oficina foi criada com o objetivo de mostrarmos como as competências da BCC (Base Curricular Comum - PE) e as OTM (Orientações teórico-metodológicas) estão interligadas com as atividades do Gestar II. Sendo parte da Formação Continuada da Capacitação em Rede dos Professores.
Os educadores do Ensino Médio, gestores e vice-diretores tiveram a oportunidade de participar da referida oficina.
Definição do ponto de chegada:
1- Identificar relações lógicas de temporalidade e de identidade na construção de sentidos do texto;
2- Analisar efeitos de sentido decorrentes da negação;
3- Analisar relações lógicas de construção de significados implícitos na leitura e na produção de textos;
A oficina teve inicio com uma dinâmica prática: texto fatiado (como aqui conhecemos), os grupos tentaram reconstruir o texto que estava em pedaços, acrescentando elementos coesivos, deixando-o coerente; depois da socializamos da dinâmica, em seguida foi feita a exposição dialogada sobre o conteúdo coerência e coesão nas produções de textos, apresentando como as Competências da BCC e os conteúdos das OTM estão contemplados na dinâmica vivenciada. Além dos conceitos de coerência e coesão, que formam revisados, trocamos experiências sobre temas como: coerência intratextual e extratextual, analisamos textos coesos e coerentes, identificamos algumas relações lógicas, entre elas: a temporal, a de negação, a de implicação e a de identidade. E acrescentamos ao nosso conhecimento o conceito de escopo de negação, sendo que este foi apreendido na prática, no momento de análise textual.
Finalizamos com a solicitação da produção de uma sequência didática, utilizando como suporte os conteúdos das OTM e as Competências da BCC.
Perpétua Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário